Águas do Norte organiza iniciativa no Dia Mundial da Água


Integrada nas comemorações do Dia Mundial da Água, que se assinala a 22 de março, a Águas do Norte irá abrir as portas das ETAR de Água Longa e ETAR de Rabada, em Santo Tirso para dar a conhecer a sua atividade às populações locais.

Criado pela ONU, o Dia Mundial da Água, que se celebra anualmente no dia 22 de março, terá este ano como tema o uso de soluções baseadas no meio ambiente para resolver problemas de gestão dos recursos hídricos. Com a campanha “A resposta está na natureza”, as Nações Unidas abordarão a forma como as estratégias de preservação e restauração ambiental podem proteger o ciclo da água e melhorar a qualidade de vida da população.

Como chega a água às nossas torneiras e que tratamento recebe para que possa ser consumida com qualidade? O que acontece à água depois de utilizada nas nossas casas e empresas? Em que condições é devolvida aos cursos naturais de água? Estas são algumas perguntas que vão ter resposta na iniciativa que a Águas do Norte irá dinamizar na próxima quinta-feira, dia 22 de março, com a promoção do Dia Aberto nas suas infraestruturas de tratamento de águas residuais de Água Longa e Agra, no Município de Santo Tirso.

Paralelamente, a esta iniciativa a Águas do Norte irá ainda promover uma visita à ETA de Areias de Vilar, localizada no Município de Barcelos.


O objetivo desta iniciativa é permitir às pessoas conhecerem a complexidade das atividades e processos que são desenvolvidos, de forma a assegurar o fornecimento de água para consumo humano e o tratamento das águas residuais, não só de origem doméstica como industrial.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade gestora do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais.


Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.