Águas do Norte reforça o abastecimento de água no Município de Paredes de Coura


A Águas do Norte vai dar início à execução da empreitada que permitirá a reformulação e o aumento da capacidade no abastecimento de água em “alta, com origem na ETA de Insalde, no Município de Paredes de Coura.

A execução deste investimento irá garantir, no imediato, o reforço do abastecimento de água no sistema de Castanheira/Insalde, com o consequente fornecimento de água ao parque industrial de Paredes de Coura, onde está a ser instalada a empresa farmacêutica «Grupo Zendal», ficando assim assegurado por parte da Águas do Norte o abastecimento em "alta", com os adequados padrões de qualidade e quantidade, aos reservatórios existentes nas proximidades da sede do concelho de Paredes de Coura, mais concretamente aos reservatórios de Mozelos, Formariz, Ferreira, Linhares e Cossourado, bem como a expansão para a adução ao Município de Vila Nova de Cerveira (freguesias de Gondar, Mentrestido, Sapardos e Candemil).

O investimento que agora se inicia está orçamentado em cerca de 3,2 milhões de euros, tendo sido adjudicado à DST, S.A com um prazo de execução de 10 meses.
Ciente de alguns transtornos que eventualmente poderão causar estas obras, a Águas do Norte apela à compreensão da população durante o tempo de execução, devendo ter-se em consideração que só através da realização deste esforço de infraestruturação se obtêm os níveis adequados de qualidade do serviço de abastecimento de água aos Municípios que integram o sistema multimunicipal.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, em “alta”, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais e de efluentes provenientes de fossas séticas.

Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, que integra o Município de Amarante, reunindo numa única entidade gestora, os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos Municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes), de forma regular, contínua e eficiente.